Descrição

O lugar das Penas do Diabo, também conhecido por “Sítio das Penas”, localiza-se entre Pinho e Pindelo dos Milagres, e constitui um vale com características únicas, com grandes penedos e paredes graníticas a ladear um pequeno afluente do Vouga. Aqui domina a floresta sub-tropical, com espécies como o loureiro, o medronheiro, o azevinho, o aderno-de-folhas-estreitas e o folha do a constituírem uma galeria de árvores e arbustos de folha persistente. As paredes abruptas que limitam este curioso santuário da floresta perenifólia chegam a alcançar mais de 60 metros de desnível, em resultado do rebaixamento originado pela erosão fluvial. No meio do vale, os blocos de granito mais resistentes são os que hoje persistem, elevando-se em caprichosas torres de blocos que podem alcançar mais de 25 metros de altura, erguendo-se acima da floresta. Os restantes penedos arredondados, resultantes da erosão e meteorização, formam um caos de blocos, e acabam mesmo por fazer desaparecer a linha de água entre as pedras gigantescas que se acumularam.

Penas do Diabo