LINHA T

Arestal

A serra do Arestal faz parte do maciço da Gralheira e atinge na cumeada 830 metros. Aqui destacam- se os rios Mau, Gresso e Arões que, para chegar ao Vouga, superam grandes desníveis que estão na origem de inúmeras cascatas. A cascata da Cabreia (T2) é uma das mais belas e conhecidas, mas outras como as cascatas do Gresso (T4), de Agualva (T6) e de Poço de Grade (T7) estão ao alcance de uma caminhada por estas terras. Nas suas encostas, monumentos megalíticos como a Anta da Cerqueira (T5), e gravuras rupestres no Forno dos Mouros (T3) e no Outeiro dos Riscos (T9) marcam a presença ancestral do Homem por estas paragens, revelando grande engenho e arte.